quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Novo Site!

O Chez Sónia agora tem um site!
Em parceria com a AcoresPRO, agora as coisas começam a ser mais sérias! :-)
Provavelmente as publicações aqui vão começar a diminuir...
Vejam todas as novidades AQUI
Subscrevam a newsletter no site para não perderem pitada!
E subscrevam também o meu canal do youtube para verem vídeos de receitas fáceis e rápidas, assim como dicas! ;-)
Obrigada e até breve!

terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Receitas do Workshop "Ideias Detox" - DeBorla

Iniciámos este ano com um excelente workshop, nas Lojas DeBorla, onde o tema se iria recair sobre ideias detox para limparmos o nosso organismo do pós festa.

O tema puxa para sumos e sopas, mas decidi debruçar-me sobre receitas com ingredientes que têm o poder de limpar o nosso organismo, receitas que podemos por em prática no dia a dia, em festas, em jantares de amigos, receitas simples e básicas, e que ao fazermos sabemos que não estamos a entupir o corpo com algo menos bom.

Deixo dois links interessantes:
Um que fala sobre os sumos detox AQUI
E outro da minha querida amiga da Terceira, a Patrícia, autora do excelente blog de culinária Food With a Meaning, formadora do DeBorla, onde aborda também várias receitas excelentes para detox.

São imensos os ingredientes com um poder detox (aveia, hortelã, arroz integral, beterraba, chá verde, cenoura, kiwi, laranja, mel, vinagre...), mas eu debrucei-me em apenas alguns ingredientes que têm na sua constituição propriedades muito benéficas para nós:
  • Beringela
  • Diversas sementes
  • Diversas ervas aromáticas
  • Ananás
  • Chia
  • Courgete
Fizemos um patê de beringela, um patê de origem do Médio Oriente (Baba Ganoush), que acho uma excelente forma de comer beringela e é um patê bem versátil. Mais patês AQUI.

Picar uma beringela grande ou duas pequenas com um garfo. E vai ao forno, cerca de 15 min de cada lado.
Ao fim de 30 a 40 minutos, as beringelas devem de estar com a pele negra e o interior mole. Apertar com a pinça para verificar se cede bem ao toque.
Deixar arrefecer ao ponto de se conseguir manusear. Abrir ao meio, retirar a polpa que tem que estar mole, com uma colher. Picar se ainda houver pedaços maiores. Colocar numa taça e adicionar meia lima (pode precisar de uma lima inteira, provar primeiro), sal, pimenta, 1 colher sopa bem cheia de chá de tahine* e azeite a gosto. Quem gostar do sabor do alho, pode ralar um dente de alho para adicionar à mistura. Atenção com o seu sabor forte.
Acompanha na perfeição com uma massa, também pode adicionar a um risotto. Também pode servir para barrar em carne ou peixe. Um patê muito versátil!

*Fiz a minha própria tahine:
duas chávenas de sementes de sésamo, num tabuleiro forrado a papel vegetal, e vai ao forno até ficarem douradas, não é castanhas, atenção!! Após esse procedimento, deixar arrefecer por completo e colocar num liquidificador juntamente com meia chávena de azeite. Moer e ir vendo se precisa de mais azeite. Colocar num frasco limpo, e regar com um fio de azeite por cima, para conservar. Colocar no frigorífico. Dura bastante tempo. Também é excelente com massa ou num bife grelhado.


Tenho mais uma ideia para fazer com a beringela, uma receita que foi um êxito num dos workshops do DeBorla: Melanzana Pasta

Fizemos uns rolinhos de courgete recheados com queijo creme vegan (comprei na C-Natural, é excelente para quem tem intolerância à lactose)


Numa taça, coloquei a embalagem toda do queijo creme vegan, temperei com pimenta, limão, cebolinho e alecrim. Envolver bem. Terminar com sementes de sésamo pretas.
Cortar as courgetes em tiras bem finas com uma mandolinha ou um descascador e colocar o creme numa ponta e enrolar ou simplesmente barrar a tira de courgete com o creme e enrolar (como foi sugerido pela Cláudia no workshop!)
Sugiro experimentarem com pepino!


Fizemos (aliás, trouxe feito de casa) um pudim de Ananás, Côco e Chia.

A versão original está AQUI. Eu fiz exactamente igual mas com ananás, devido às propriedades que tem o ananás em limpar o nosso organismo. Ficará com uma consistência mais mole, mas se adicionar folhas de gelatina é capaz de resultar numa mousse mais consistente.
Deixo mais duas sugestões de mousse de chia AQUI e AQUI.


E para terminar deixo a receita das bolachinhas, cheias de sementes e ómega 3, excelente para limpar as maleitas do Natal e Fim de Ano! :)

Num processador, colocar 4 colheres de sopa de sementes de sésamo, de linhaça, de abóbora e de girassol. Triturar, mas deixar com alguma textura.

Colocamos numa taça, e adicionamos uma chávena de farinha integral (ou farinha de arroz, sugerido, e muito bem, pela Ana Paula), uma colher de café de fermento e uma pitada de sal. Envolver tudo e reservar.

Depois, à parte, numa taça colocamos 140 ml de água, 3 colheres de sopa de azeite e 2 colheres de sopa de azeite. Mexer e deitar na mistura dos secos.

Envolver tudo muito bem e espalhar em cima de uma folha de papel vegetal.
Colocamos outra folha por cima, e com a ajuda de um rolo da massa espalhamos até ficar bem fino.
Tiramos a folha de papel vegetal de cima, terminamos com algumas sementes por cima e uma pitada de sal e vai ao forno até estar crocante (cerca de 10 min a 180ºC deverá ser suficiente).

Servi com o creme de queijo vegan. São óptimas para petiscar ou para servir de entrada com patés.


Quero agradecer mais uma vez ao DeBorla pela confiança depositada. Vamos fazer mais e melhor! Obrigada a todos pela presença pois sem vós isto não tinha piada nenhuma!



Mais fotos:

domingo, 10 de janeiro de 2016

Workshop Cozinha Saudável - Segunda Edição!

Devido ao sucesso que teve o primeiro, o Chez Sónia irá realizar mais um workshop de cozinha saudável no dia 30 de Janeiro às 16h, na C-Natural, com a duração de 3h.

Apareça, vai ser uma tarde bem agradável, divertida e muito saudável! Venha enriquecer os seus dotes culinários!

No final iremos degustar de todas as iguarias confeccionadas!

Para inscrições ou mais informações:
chezsoniamelo@gmail.com

sábado, 9 de janeiro de 2016

Gratinado de Atum!

Para quando temos pressa e temos que nos despachar, eis que um gratinado é sempre uma solução.

Ter pressa não é sinónimo de comer mal, por isso este prato encheu-me as medidas!

Cozer macarrão num tacho com água e sal.

Enquanto isso, numa frigideira, derreter uma colher de sopa de margarina, e refogar uma cebola pequena (uso roxa), e quando ficar translúcida, adicionar dois tomates maduros. Deixar amolecer e introduzir uma lata de atum (era das redondas pequenas, do Atum Sta Catarina) e envolver.

Para dar mais consistência, adicionei uma colher de sopa de farinha e duas conchas de água de cozer o macarrão. Envolver bem e assim que o macarrão estiver cozido, introduzir no molho. Voltar a envolver tudo muito bem e transferir para uma travessa de ir ao forno, polvilhar com queijo da ilha ralado e vai ao forno, da parte de cima, só para gratinar o queijo. Terminei com cebolinho.

Simples e muito saboroso.




sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Canja!

Quem disse que canja era para doentes? É porque nunca provou a minha canja!
Adoro, acho que é reconfortante e nestas alturas de chuva e frio é um consolo!

Super simples, mas cheia de sabor!

Numa panela não muito grande, encho com água e coloco uma cebola cortada em bocadinhos e algumas aparas de frango, e/ou fígados ou "miúdos" para quem gosta (no talho, quando peço frango, peço logo que o arranjem e retiram algumas aparas e o osso do meio, com alguma carne, fica um excelente caldo!) e um pedacinho pequeno de chouriço.

Deixo ferver e cozinhar lentamente cerca de 15 a 20 minutos.
Depois retiro as aparas do frango e o chouriço e trituro com a varinha. Adiciono duas cenouras, tempero de sal e coloco também massinhas pequenas, a gosto.

Deixo cozinhar a cenoura (mais cerca de 15 minutos) e está pronto!
Volto a colocar o chouriço e o frango.
Termino com hortelã.

Claro que com a ajuda da minha borner as coisas tornaram-se mais fáceis e rápidas!
Cortei a cebola e a cenoura como eu queria, fininha e em bocadinhos, e coze muito mais rapidamente.
Uma preciosa ajuda, sem dúvida!



quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Workshop Gratuito - Ideias Detox para o pós Festa - DeBorla!

Antes de mais espero que estas épocas festivas estejam a ser do vosso agrado!

Tenho andado fugida destas bandas, mas prometo colocar posts de tudo para não perderem pitada!

Por agora, anuncio mais um workshop na Loja DeBorla de Ponta Delgada, para dia 9 de Janeiro de 2016, às 15h30.

Será sobre receitas que podemos fazer, fáceis e rápidas, para limparmos o organismo dos excessos destas comidinhas natalícias.

Façam as vossas inscrições no site do DeBorla (www.deborla.pt) e caso já esteja esgotado, apareçam na mesma, pois há sempre desistências de última hora e também podem assistir de pé pois eu prometo não fazer um workshop muito moroso!

Conto convosco desse lado e já agora:

UM FELIZ 2016 COM MUITAS REALIZAÇÕES PESSOAIS E SUCESSO! TUDO DE BOM!

OBRIGADA POR ESTAREM DESSE LADO!

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Jantar de Natal de Amigos!

Nem sempre o Natal significa Família.

Para mim significa União, Paz, Harmonia, Amor e muita amizade! Seja ela de família ou amigos.

Não tendo a minha família comigo, o Natal do ano passado foi só nós dois e no dia seguinte houve uma bela jantarada de amigos!!

A reunião foi feita em casa da amiga Sandra, onde juntámos 11 pessoas! Para não dar trabalho só à dona da casa, cada um trazia o que entendesse.

Da minha parte foi destinada algumas coisas as quais vos deixo aqui as receitas!

Então tinhamos:

Foi um jantar 5 estrelas onde pudemos todos conviver e desfrutar do verdadeiro espírito do Natal!

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Dia de filmagens...


E hoje foi dia de deixar uma mensagem, de reconhecimento, de agradecimento a todos os que me seguem e que acreditam no meu projecto.

Fiquem colados que irá haver mais!

Mas eu não estou habituada a estas andanças e um vídeo de 30 segundos demorou 30 minutos a filmar!!!


Podem rir-se à vontade... Nós fizemos o mesmo neste serão!! Uma paródia total! Gostei imenso!!

Grata aos que me aturaram, e que tiveram a paciência de fazer mais de 10x o vídeo!

Aqui fica o dito cujo!!

video

Conto convosco para esta e outras iniciativas!

Até breve!!

sábado, 14 de novembro de 2015

Workshop "Sabores de Natal" - Xmas Trendy Factory

Vou abraçar uma boa causa!

Será um evento solidário, onde estarão reunidos vários nomes conhecidos do Artesanato e Gastronomia, pelas mãos da Alchemy Dream, uma associação que torna os sonhos realidade e do Solar da Glória ao Carmo!

Estaremos a ajudar a Fajã de Cima, visto que onde se vai realizar este evento é no Solar do Monte dos Frades (na Fajã de Cima).

Da minha parte, haverá um workshop de Sabores de Natal, no dia 29 de Novembro às 16h, que terá um custo de 15€, mas 5€ reverterá a favor da Associação. (mais informações para chezsoniamelo@gmail.com - Lugares sentados limitados - necessita inscrição prévia)

Venha ajudar, venha ver e tornar este evento, um evento único na Ilha de São Miguel!
Se partilhar já está a ajudar!

Esperamos por todos vós!
Ah, e venha juntar-se a mim para ajudar-me a passar um aniversário diferente!

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Bacalhau Confitado e uma visita à Casa do Bacalhau!

Abriu à pouco tempo uma Casa do Bacalhau no centro da cidade de Ponta Delgada!

Ela já existia (e continua a existir) na praça, mas agora sem dúvida que ganhou outra dimensão.

Nada melhor do que no centro da cidade para colocar uma casa cheia de tradição e a lembrar os nossos antepassados.

Praticamente em frente à Igreja do Colégio, na esquina, está uma casa antiga, com um ar renovado, mas tradicional, com um atendimento muito profissional e simpático. Estes senhores sabem o que estão ali a fazer!

É uma loja que não passa despercebida.
Logo à entrada, o seu logótipo bem cativante e que apela à nossa memória, que chama bem a atenção, a imagem a lembrar outros tempos, convida a entrar naquela casa ampla, cheia de lembranças e os tão conhecidos e lindíssimos arcos que caracterizam a cidade de Ponta Delgada.

Gosto tanto de ver quando uma casa nova abre no centro histórico de Ponta Delgada e que conserva aquilo que já por si só conta uma grande história!

Toda aquela casa é tradição!
Estes senhores levam mesmo a palavra tradição a fundo: desde o logótipo, às imagens, o ambiente, a questão de vender bacalhau (o Rei da nossa Gastronomia, que nunca faltava na mesa dos nossos avós e que passou de geração em geração), a mercearia com produtos de excelência e regionais, até à forma como embrulham!! Como antigamente...

E como se não bastasse agora têm na parte de trás um espaço para fados e petiscos! Querem melhor?? Não há... Tradição no seu mais profundo estado!! Sem palavras... Uma recordação para sempre!

Deixo as fotos e o convite para irem até lá.
Entrem e falem com aqueles que sabem o que vendem! Acreditem que vão ficar surpreendidos!
Há tanto para aprender sobre este "Senhor da Gastronomia"...

Em breve mais novidades sobre o Chez Sónia em conjunto com esta casa que se deveria tornar um ícone em Ponta Delgada!

Saí de lá com meio bacalhau, que assim que olhei para aqueles lombos, aquelas lascas, pensei logo em bacalhau confitado!

Já tinha feito uma vez, e agora voltei a repetir!

É sem dúvida uma forma de comer o bacalhau no seu mais simples estado e sentir toda a sua qualidade, textura, aroma... Uma perdição!
Com a vantagem de que ficamos com um azeite aromatizado, único e duradouro que dará para tudo!!

Escolher os lombos mais altos. Demolhar em água, num recipiente onde fique totalmente coberto, com a pele virada para cima, e tem que ficar no frigorífico. A demolha tem que demorar pelo menos, 3 dias, sempre no frigorífico, e mudar a água pelo menos 1x por dia.

Após este ritual, retirar a pele, espinhas (com uma pinça), e cortar em nacos conforme o gosto.
Colocar dentro de um tacho, cobrir com um bom azeite, e aromatizar a gosto. Eu coloquei coentros, casca de limão galego e lima (sem a parte branca), pimenta rosa em grão, um jindungo sem sementes e duas folhas de louro. Podem pôr tomilho ou outra erva aromática a gosto, mas não inventem muito senão perde-se o sabor do bacalhau!!
Levar ao lume, sempre em lume muito baixo, NUNCA deixar que o azeite ferva. Se virmos que vai começar a borbulhar, retirar do lume por uns segundos e voltar a colocar depois. O meu não necessitou, ficou sempre no mínimo e em 20 minutos comecei a vê-lo a lascar. É o sinal que já está!
E é só isto... Servi com batata assada no forno.






Não deixem de visitar a Casa do Bacalhau e falar com os especialistas que estão ao vosso dispor para vos ajudar a não "vandalizar" este belíssimo peixe que por vezes é tão mal tratado nos nossos restaurantes e casas...

O melhor sítio para comprar bacalhau em São Miguel! Aqui encontramos profissionalismo, tradição e muito conhecimento do Rei da Gastronomia!
Publicado por Chez Sonia em Quinta-feira, 12 de Novembro de 2015

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Cenouras Caramelizadas com Tomate

Tinha comprado na praça, na banca dos produtos biológicos, cenourinhas que estavam mesmo a pedir este tipo de receita.


Para descascar usei o meu infalível descascador da Borner. Foi super rápido!



Cortei-as depois ao comprido, em quatro, depois reguei com azeite e temperei com sal e pimenta e um fio de mel.

Foi ao forno durante 30 min a 200ºC.

Depois disso, tirei para fora e coloquei alho picado por cima, salsa (esqueci-me) e mais um fio de azeite. Juntei os tomates.

Foi novamente ao forno por mais 10 minutos.

Ficaram muito macias!

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Mais uma viagem até à Forneria São Dinis!

Não, desta vez não fui até lá...
Desta vez a Forneria é que veio até minha casa!!

Já é a segunda vez que peço entrega de pizza da Forneria em minha casa. Foram dois dias que realmente não consegui pensar em cozinhar, já tardava e a malta tinha apetite... Sim, também tenho desses dias... E dessas duas vezes lembrei-me que a Forneria de São Dinis fazia entrega de pizzas em casa (pizzas e não só). Quis experimentar!! E não me desiludi nem um bocadinho!!

A primeira vez tinha pedido uma caprese. E como tinha ainda umas sobras do workshop da Tupperware, decidi inventar! A pizza por si só estava excelente!! Mas a tapenade de azeitona, atum e ricotta, assim como o salmão fumado e o queijo feta estavam a pedir mesmo para entrar naquele festim italiano! Sabores tão mediterrâneos... Não resisti e criei a minha versão caprese da Forneria :D






Estava tão cansada que só comi metade!

Desta última vez, também uma situação de cansaço e completamente fora de horas, mandei vir uma Pizza Fria (Carpaccio de novilho, parmesão ralado, rúcula selvagem e azeite trufado) e decidi inventar também e pedir extras de queijo mozarella e cogumelos. Só mesmo eu para inventar estas coisas!!



Só sei que funcionou na perfeição!! E a redução de balsâmico por cima estava espectacular!
E quando pensas que já não te surpreendes com uma pizza, eis que surge esta maravilha dos Deuses.

Ultrapassa todos os teu sentidos e definições de uma boa pizza!!! Para lá de bom! "Transcendentemente" espectacular!

Se querem algo de excelência e de sabores únicos e diferentes, que vão para além dos nossos gostos de pizza comuns, aconselho vivamente esta pizza! Nem inventando palavras e definições eu consigo dizer o que senti hoje ao degustar de mais uma pizza da Forneria São Dinis, com o bónus do senhor das entregas ter sido o próprio gerente! Uau!! Muito, muito agradecida mesmo, Pedro! Um consolo de pizza para quem chega tarde a casa...

O dia terminou da melhor forma! Grata! ❤

Portanto às vezes é bom e sabe bem chegarmos tarde a casa e termos alguém que cuide de nós e se preocupa com o nosso bem estar!

A Forneria é tudo isto: Amor, Dedicação e Profissionalismo, tudo para a total satisfação do cliente! Ficamos entregues (e bem entregues!) nas mãos de quem sabe e se preocupa! Obrigada!

quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Um Hamburguer Especial no Pão!

Adoro a simplicidade! Não gosto de coisas simplórias mas sim das coisas simples da vida!

E isso reflete-se na minha cozinha.

E este prato é mais uma prova disso.

Para quê complicar?? Podemos comer tão bem e saudável sem grandes complicações...

Uma pêra abacate, cortada em tiras e regada com sumo de limão para não ficar escura. Tomate cherry, azeitonas pretas, salsa, queijo feta e hamburguers.

Os hamburguers são a coisa mais simples de fazer. Ficam com um ar rústico como eu gosto. E só tem queijo da ilha e panko (caso não arranjem panko podem por pão ralado).

Os hamburguers podem ver aqui o vídeo o como é fácil de fazerem. E até podem congelar para depois grelharem noutro dia. Não leva ovos nem mais nada para aglomerar.



terça-feira, 3 de novembro de 2015

Workshop Chez Sónia - Cozinha Saudável!

Mais um grande workshop se aproxima!

Desta vez na loja C-Natural, em Ponta Delgada.

As inscrições já se encontram abertas.

Venha passar uma tarde bem agradável na nossa companhia, aprendendo receitas rápidas, fáceis e nunca comprometendo o sabor!! Vai saber bem ser saudável! Compareça!!

Inscrições para chezsoniamelo@gmail.com

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

O Chez Sónia está a crescer!

Boas notícias vão chegando a estes lados!

Estamos a crescer! Obrigada a todos, que de uma forma ou de outra vão colaborando para que isso aconteça! Sem vós este meu projecto não fazia sentido. Obrigada por acreditarem!

E ao Filipe Raposo, que já estava comigo neste projecto, vai juntar-se uma Nutricionista (Andrea Simas) e um Fotógrafo Oficial (José Borges).

Fico muito feliz por estarmos a dar bons passos e que assim continue!! Obrigada, obrigada de coração!!

terça-feira, 27 de outubro de 2015

Workshop Chez Sónia com a Tupperware - No Cook Recipes!

A Tupperware, uma das marcas mais elegantes e prestigiadas de Portugal que está presente em todo o mundo, na maior parte dos nossos lares, quis aliar-se ao Chez Sónia, e juntas fazermos um workshop de sucesso! E assim foi!

Pioneiras na ideia, com muito orgulho, com os meus conhecimentos e os produtos de excelência da Tupperware, fizemos receitas onde não era necessário o uso do fogão e do forno.

Como já devem saber, os meus workshops são muito simples, sem grande complexidade e a intenção é sempre a de que as pessoas saiam de lá com a cabeça cheia de ideias rápidas e fáceis para confeccionar em casa. Logo, a intenção deste workshop, não era vendas nem muito menos fazer uma demonstração Tupperware, mas sim mostrar às pessoas que no dia-a-dia, as belíssimas peças de qualidade fora de série, que nunca saem de moda, são fáceis, úteis e por vezes imprescindíveis na nossa cozinha. Umas verdadeiras aliadas!

Foi uma honra, e com imensa alegria e prazer abracei esta parceria!

Agradeço desde já toda a amabilidade com que me acolheram, toda a ajuda preciosa que me foi prestada e todo o companheirismo, cumplicidade e amizade que se criou!

Agradeço também a todos os meus seguidores, que por onde quer que eu vá, eles estão lá! Obrigada por acreditarem neste meu projecto, pois sem vós nada seria possível nem fazia sentido! Fazem-me acreditar que realmente vale a pena continuar a lutar!

Obrigada aos novos amigos que criei, espero que se tornem seguidores do Chez Sónia e espero também que continuem a acreditar, pois iremos crescer mais e fazer melhor!

As fotos que apresento são do fotógrafo José Borges, algumas minhas e das minhas alunas e colaboradoras.

Não houve só receitas!
Também tivemos sorteios, muita alegria e ainda presenteámos quem nos visitou!

O workshop foi iniciado com 4 entradas, servidas na deslumbrante peça Allegra, da Tupperware. Acho esta peça espectacular pois servimos quatro entradas diferentes e conseguimos surpreender de certeza!


As entradas não servem só como entradas, podem servir como acompanhamentos.
Vejam mais AQUI no meu workshop de Acompanhamentos Criativos.

Usámos o utensílio Extra Chef, um utensílio que se tornou imprescindível na cozinha e nestas 4 entradas. Pode faltar a luz, que iremos continuar a fazer o nosso jantar de amigos! E ainda ficamos com uns braços espectaculares! Quem experimentou percebe porquê!

Fizemos Húmmus!
Um paté de origem do Médio Oriente, em que húmmus significa grão cozido.

Na Extra Chef, introduzir uma lata pequena de grão cozido (ou meia lata de grão grande), 1 colher de chá de paprika fumada, 1 dente de alho, 2 colheres de chá de tahine (pasta de sésamo), sumo de uma lima, sal (só uma pitada pois o grão já tem sal) e meio molho de coentros picados. Introduzir um fio de azeite e triturar bem.

Enquanto tritura, aos poucos vamos introduzindo mais azeite pelo funil para chegar à consistência desejada. Não queremos um paté muito espesso, mas também não queremos um paté demasiado azeitado! É até se aperceberem que tem a consistência certa para o vosso gosto. Tem que ficar firme mas cremoso.

No final, colocar na Allegra e por cima polvilhar com uma pitada de paprika e um fio de azeite. Termina com meia tosta fina e uma folhinha de coentros, ou salsa ou manjericão.


Fizemos uma variante de Hummús!
Pegando na receita anterior, repetimos:
Na Extra Chef, introduzir uma lata pequena de grão cozido (ou meia lata de grão grande), 1 colher de chá de paprika fumada, 1 dente de alho, 2 colheres de chá de tahine (pasta de sésamo), uma chávena (cup) de puré de abóbora (já há em latas, mas podem fazer no forno), sal, pimenta, noz moscada, canela e cominhos a gosto. Introduzir um fio de azeite e triturar bem.

Enquanto tritura, aos poucos vamos introduzindo mais azeite pelo funil para chegar à consistência desejada. Não queremos um paté muito espesso, mas também não queremos um paté demasiado azeitado! É até se aperceberem que tem a consistência certa para o vosso gosto. Tem que ficar firme mas cremoso.

No final, colocar na Allegra e por cima polvilhar com uma pitada de paprika e um fio de azeite. Termina com meia tosta fina e uma folhinha de coentros, ou salsa ou manjericão.


Fizemos tapenade!
A tapenade de azeitona é feita na extra chef também, com um frasco de azeitonas , uma colher de sopa de alcaparras , 1 dente de alho, sumo de uma lima, 2 colheres de sopa de mostarda, 1/2 chávena de azeite, tomilho e salsa. Misturar bem. Depois se quiserem, ou fica assim ou retiram metade e colocam meia lata de atum das redondas pequenas de Santa Catarina e duas colheres de sopa de mascarpone. Rectificar de sal e pimenta.

Excelente com salmão no forno ou salmão fumado.


Fizemos Patê de Atum com Pêra Abacate!
Na extra Chef introduzimos 2 pêras abacate maduras (podemos conservar a casca intacta para decoração - ver AQUI - ), 4 colheres de sopa de ketchup, 1 colher de sopa de whisky, 1 lata de atum pequena, 1 molhinho de coentros, 1 pedacinho de rúcula, sal, paprika, tomate seco picado e 1 iogurte natural.

Mistura-se tudo e coloca-se nas "meias cascas" e depois na Allegra ou directamente na Allegra. Decora-se com azeitonas, paprika e coentros. Acompanha com pão torrado ou tostas.

Existe uma versão ainda mais simplificada AQUI.


Demos seguimento a uma bela salada!
Fizemos uma cama de rúcula, na saladeira da Allegra, para colocar os nossos ovos recheados, onde podemos ser tão criativos... A ideia é ir variando nas misturas, sabores, aromas e texturas.

Lavamos e secamos a rúcula com o secador da Tupperware, temperamos com sal líquido, envolvemos bem, depois temperamos com pimenta, nozes, queijo feta, rosas de salmão fumado, croutons (e a imaginação é o limite!) e colocamos os ovos recheados em cima. Terminamos com um fio de azeite.

Os ovos recheados são cozidos (6) , retiramos as gemas para um recipiente, depois adicionamos meia chávena (cup) de iogurte grego, meia pêra abacate, uma colher de sopa de lima, sal e coentros. Podemos usar novamente a Extra Chef com as lâminas para ajudar mais rapidamente a adicionar as coisas. No final enchemos a bola decoradora (atenção que devemos por o recheio ainda com a bola decoradora fechada na parte do bico, só depois de cheia e fechada é que escolhemos o bico que queremos) e finalizamos com uma folhinha de coentros.

Se quisermos que os ovos fiquem cor de rosa, após cozer os ovos, descascados e arrefecidos, colocamos na água de cozer beterraba.
Num tacho colocar 2 chávenas de água (cups) e uma chávena (cup) de vinagre e uma beterraba fatiada. Deixar ferver por 20 minutos. Após esta água arrefecer, colocamos os ovos descascados e sem a beterraba, cerca de uma hora para ganharem cor. Podemos experimentar com outras cores: açafroa para cor de laranja, chá verde para verde... Experimentem e mostrem!!



Seguimos para a sobremesa.
Sim, é possível fazer brownies crus, sem terem que ir ao forno, e bem saudáveis.
Tinha visto a receita no programa da Filipa Gomes, do 24Kitchen. Pus logo as mãos à obra para fazer a minha versão!
Na Extra Chef triturar 2 chávenas (cups) de nozes e 1 chávena (cup) de cacau em pó. Reservar.
Depois picamos 2 chávenas de tâmaras com 2 colheres de sopa de xarope de ácer. Amassar tudo muito bem para que fique envolvido.
Numa caixa tupperware (usei a congeladora) forrar com película aderente e aí colocar a mistura. empurrar bem, com as mãos ou com um copo para que fique tudo muito bem compacto.
Vai ao frigorífico pelo menos 1 hora. Depois é só cortar em quadrados e polvilhar com cacau em pó e terminar com mais amêndoas (podem ser torradas, levemente numa frigideira anti aderente).


Terminamos este desfile de coisas boas com mais uma sobremesa.
Um cheesecake de abóbora.
Triturar um pacote de bolachas moaçor chocolate (ou outras a gosto) na Extra Chef e quando chegarmos ao ponto de pó adicionamos a manteiga. Ou derretemos duas colheres de sopa de manteiga ou usamos margarina líquida. Voltamos a envolver tudo para que fique uma mistura mais aglutinada.
Na saladeira de Cristal, colocar as bolachas e com a ajuda de uma colher ou mesmo à mão, ajudamos a aglutinar a mistura.
Entretanto batemos um pacote de natas com a Speedy Chef e adicionamos meia chávena de açúcar. Reservamos.
Na Extra Chef, com o utensílio que parece uma borboleta, colocamos um pacote de queijo creme à temperatura ambiente, uma chávena de puré de abóbora, metade das natas batidas e uma colher de chá dos "pozinhos mágicos".
Envolvemos tudo muito bem e colocamos em cima das bolachas picadas. Terminamos com o resto das natas e decoramos a gosto. Este foi decorado para o Halloween.

Os "pozinhos mágicos" é uma mistura de canela, gengibre, noz moscada e cravinho.
Num recipiente tupperware, colocamos 3 colheres de sopa de canela, 3 colheres de chá de gengibre, 2 colheres e meia de chá de noz moscada e 2 colheres de chá de cravinho (em pó, caso não consigam arranjar, coloquem 1 ou 2 cravinhos da índia no recipiente).
É uma mistura que fica excelente em tudo o que seja receitas de abóbora e também combina muito bem com chocolate.
Quando quiserem utilizar, basta apenas uma colherinha de chá e dá um aroma bastante diferente às receitas.


E assim demos por terminado mais um grande workshop, onde aprendi e espero ter transmitido também algum conhecimento.

Mais uma vez agradeço a todas as pessoas envolvidas, foi uma grande honra poder ter participado neste projecto pioneiro e que venham mais e melhor a partir de agora.

Para qualquer esclarecimento, dúvida ou encomendas, não hesitem em contactar-me.

Vejam mais ideias de outros workshops AQUI.

Vejam todas as fotos aqui:

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Spaghetti Al Nero di Seppia com Frutos do Mar!

Uma ideia super rápida para um jantar light!

Grelhei 2 filetes de peixe porco, ficam sempre muito suculentos, e depois salteei num wok com um fio de azeite e um dente de alho esmagado e flocos de piri piri alguns camarões, e no final foi só introduzir o peixe e o esparguete negro (com tinta de choco) cozido al dente. Rectificar os temperos e finalizar com coentros e um fio de azeite.

domingo, 11 de outubro de 2015

Espetadas de Frango & Fruta!

Não é bem uma receita mas sim uma ideia rápida para um jantar de amigos ou um jantar mais light!

Claro que podemos variar na fruta (kiwi, pêssego, laranja, ananás...) e podemos variar em vez de frango ser com perú.

Aqui foi feito com peito de frango, temperado de sal e pimenta e grelhado.

Cortar em cubos e intercalar com tomate e manga. Guarneci com rúcula e sementes de sésamo pretas.

Muito bom e super rápido!!

Quem quiser pode acompanhar com pão pita no forno, pincelado com azeite e ervas de provence e/ou um molho de iogurte (um iogurte natural, sal, pimenta, uma colher de sopa de vinagre balsâmico, duas colheres de sopa de azeite, mostarda e se for preciso equilibrar sabores, uma colherinha de mel)

Se for num jantar de amigos podemos distribuir tarefas e acaba por ser um momento de confraternização!


sábado, 10 de outubro de 2015

Natur Frozen Yogurt!

Hoje foi dia de ir ver a abertura da casa mais esperada em Ponta Delgada! O conceito prometia e hoje foi dia de provar!!

Um projecto inovador, jovem, dinâmico e saudável! Assim nasce Natur Frozen Yogurt!

Uma casa onde podemos degustar o que os Açores oferecem de melhor! Produtos regionais, frescos, variados e que merecem destaque.

A sua missão é "Ser uma empresa de referência e inovadora no nosso sector, contribuindo para a divulgação dos produtos regionais dos Açores. Produzir e desenvolver produtos alimentares de qualidade de modo a superar as expectativas do consumidor."

"A marca NATUR FROZEN YOGURT foi criada em 2015 por José Nóia, Gil Sousa e Bruno Vieira. Constituída com um objectivo em mente: Criar um espaço acolhedor, inovador, com produtos locais de qualidade, um atendimento baseado na simpatia e eficiência, bem como uma decoração recheada de pormenores tipicamente açorianos. O Frozen Yogurt é o produto em destaque pois é uma sobremesa deliciosamente saudável. Além do Frozen Yogurt vão estar disponíveis outros produtos, nomeadamente Coffee to Go, Tea to Go, Sumos naturais, Smoothies, Crepes, entre outros."

Convido toda a gente a passar por aqui!! Vale a pena! Produtos bons e de qualidade fazem um resultado final excelente! Uma casa onde valoriza os produtos regionais, muita simpatia, ambiente muito familiar, acolhedor e um excelente atendimento! Sabe tão bem um frozen yogurt....!!!! Yuuummm!!!! ;)

Com grande requinte mas com ar descontraído, o Natur Frozen Yogurt está situado no Centro Histórico de Ponta Delgada, mesmo ao pé da Matriz, numa loja que era uma frutaria, conseguiram conservar o seu ar antigo e os seus pilares que contam histórias.

Cores alegres, regionalismos, bons conselhos e uma decoração espectacular e personalizada, convida mesmo a entrar!
Lá dentro encontramos um atendimento simpático, uma panóplia de sabores (toppings) e frozen yogurts à escolha: da nossa marca Yoçor (ananás) e italiano (morango e natural).

Temos um mural onde podemos (e devemos) deixar uma mensagem e um lugar muito acolhedor para estar com os amigos! Porque "Friends Become Our Chosen Friends"! Certo?

Eu escolhi desta vez um Buzico (o mais pequeno) mas ainda tinhamos a Nisca (tamanho médio) e o Poderius (o maior!) com toppings não muito regionais mas que funcionaram na perfeição! Escolhi compota de figo (regional) com amêndoas e nozes. Espectacular!! Um frozen yogurt macio, não se sente os cristais de gelo, com sabor mesmo a iogurte e que nada tem a ver com gelados! Uma perdição!! Sabe mesmo muito bem! E a combinação de sabores foi a correcta! Mas tem lá tanta coisa para escolhermos... Diferentes sabores e texturas! Hmmm que bom!! E ainda podemos por toppings de doce de leite, de chocolate... haja imaginação!

Uma casa que tem muito mais para dar, vêm aí muito mais novidades, promissoras, diferentes e bem dinâmicas! Tem tudo para dar certo!

Muita sorte e muitas felicidades na vossa/nossa casa! Aguardamos mais novidades!!

Não deixem de lá aparecer!

Foto-reportagem:
Um local a ser visitado mais vezes! Um conceito inovador, diferente, promissor e com um ambiente muito familiar par podermos estar com os nossos amigos!
Posted by Chez Sonia on Sábado, 10 de Outubro de 2015

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Merendas Especiais!

Mais uma vez fiz esta receita!! Divinal, muito versátil e dá para sermos criativos!

Merendas Especiais para alguém especial!

Desta vez fiz só de queijo e fiambre.

Numa taça coloquei 500 gr de farinha tipo 65 e fiz uma espécie de "cova" no meio e coloquei aí um pacote de fermento de padeiro seco (10 gr). Acrescentei uma colher de chá de farinha de cogumelos da Parceria das Conservas.
Levei ao lume 160 ml de leite, 80 gr de manteiga, 50 gr de açúcar e uma pitada de sal até estar tudo derretido, não deixando ferver nem aquecer muito.
Coloquei na "cova" 2 ovos, e comecei a amassar com o robot de cozinha. Entretanto comecei a adicionar aos poucos e em fio a manteiga derretida e o leite e deixei amassar muito bem.
Deixe a massa repousar, tapando com película aderente, em local seco e sem correntes de ar (eu coloco-a no forno), até que esta dobre de tamanho, cerca de 1 hora ou até mais.

Passado esse tempo, dividi a massa em oito bolinhas e estendi cada uma em formado rectângulo. Coloquei queijo e fiambre, fechei pressionando os lados, mas não amassando muito.

Coloquei-as a descansar já no tabuleiro cerca de 20 minutos. Aqueci o forno e antes de as introduzir, pincelei-as com leite. Depois introduzi-as e deixei cozinhar cerca de 20 minutos a 180/200ºC ou até verem que estão bem douradinhas!

Ficaram bem crescidinhas e tão fofas!!

Servidas nas minhas tábuas Gradirripas ganharam outra dimensão!




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...